100 livros para as escolas no Centenário de Sophia

No âmbito das comemorações do Centenário da escritora Sophia de Mello Breyner Andresen, o nosso agrupamento esteve, no dia 12 de dezembro, uma vez mais, em festa, com uma iniciativa patrocinada pela RBE: a Escola Básica Sophia de Mello Breyner Andresen foi contemplada com a oferta de 100 livros.

Os livros foram entregues pela senhora coordenadora nacional das Rede Bibliotecas Escolares, Drª. Manuela Silva, e pela senhora coordenadora concelhia, Drª. Isabel Antunes, em sessão que contou com a presença da senhora diretora do Agrupamento, professora Maria João Palhais, pela senhora coordenadora de estabelecimento, professora Maria João Mateus, as professoras bibliotecárias, algumas outras professoras e, ainda, duas turmas do 5.º ano, a turma C e a turma A.
A sessão decorreu na Biblioteca onde as professoras bibliotecárias expuseram alguns dos trabalhos que haviam participado na coletiva de todas as escolas do Agrupamento e realizada, na SMBA, na semana anterior. Foi possível assistir à projeção de imagens dessa mesma exposição, bem como ao vídeo realizado aquando da apresentação, pelos alunos de uma turma da EB1/JI da Brandoa, do recital A Menina do Mar.
Os alunos da turma A apresentaram uma leitura coral do poema Fundo do Mar, da poetisa homenageada.

Após a entrega dos livros, os alunos conversaram com as coordenadoras e os docentes presentes.


Após a sessão, as senhoras coordenadoras da RBE visitaram a biblioteca da Escola Secundária Fernan
do Namora, tendo a oportunidade de visitar a exposição de trabalhos de artes plásticas do pavilhão A, e cuja qualidade elogiaram francamente. Em seguida visitaram a biblioteca da EB1/JI Sacadura Cabral.
A Drª. Manuela Silva mostrou-se encantada, nomeadamente pela espontaneidade dos alunos e manifestou a sua admiração pelos trabalhos de arte expostos tanta na SMBA como na ESFN.
Esta oferta de livros, feita a todas as escolas (seis escolas no país) cujo patrono é Sophia de Mello Breyner Andresen, veio enriquecer as nossas bibliotecas, quer aumentando o número de exemplares de obras que já tínhamos, quer trazendo mais títulos para o nosso espólio, como a Obra Poética.